Dolly
Neder
Quirologia
 

Curso de Quirologia

"Ciência de Sempre"




Quirologia: Ciência que estuda e analisa as mãos em todos os seus aspectos.

Medida Áurea: Divina proporção. Fórmula matemática do Belo. O Homem é a medida proporcional entre o Universo e a Mão. A mão deve ter harmonia com o corpo.

Comprimento das Mãos:
Normal: Equilíbrio, harmonização entre o físico e o psíquico.
Curtas: Gosta de ver o todo. Sentido global das coisas. Impaciência, dinamismo. Temperamento explosivo (às vezes).
Longas: Detalhista em tudo que faz. Insegurança (às vezes).

Largura das Mãos:
Normal: Harmonia entre ações e idéias.
Estreitas: Melancolia, medo, delicadeza.
Largas: Todos os atributos ligados aos aspectos físicos. Dominação.

Quirognóstica: Estuda as relações recíprocas entre certas formas e proporções da mão e determinadas modalidades do caráter e do temperamento.

Diferentes formas das mãos:

Mão elementar:
Pessoas relacionadas com tarefas rudes. Indiferenças por coisas que não sejam as necessidades essenciais.


Mão quadrada: Não são inspiradas. Sabem levar ao fim idéias dos outros. Assumem responsabilidades.


Mão espatulada: Possuidor de energia nervosa. Estas pessoas estão desenvolvidas em alto grau. Precisam fazer uso de suas mãos em atividades manuais.


Mão cônica artística: Termo médio entre a mão pontuda e quadrada. Aptidão para criar e realizar. Prazer em ver-se rodeada de beleza.


Mão mesclada (mista): Qualidades e defeitos segundo o formato dos dedos. Dispersa seus esforços e energias em diversas direções.



Também se analisa a consistência de nossa mão; flexibilidade, tamanho, textura, indicando "quem somos".

Os Montes:
Retém e distribuem as energias nas mãos.

Monte de Vênus: Amor, sensualidade. Ligação com o aspecto familiar.
Monte de Júpiter: Relacionado com a ambição, mando e domínio do "Eu consciente" do indivíduo.
Monte de Saturno: Relacionado com o temperamento: seriedade, reserva, senso crítico.
Monte de Apolo ou Sol: Relacionado com aspecto criativo, idealismo, artístico.
Monte de Mercúrio: Relacionado com inteligência, intuição e comércio.
Monte de Marte Negativo: Relacionado com coragem, independência, audácia.
Monte de Marte Positivo: Agressividade. Coragem em demasia.
Monte da Lua: Relacionado com equilíbrio entre realidade e fantasia, bom senso, amor à natureza.
Monte de Netuno: O Efeito é forte, grande magnetismo pessoal. Relação com a glândula Pineal.

Arcos Arquitetônicos:
Arco Norman: Apóia os dedos sem timidez, nem agressividade.
Arco Perpendicular: Falta apoio para os dois dedos que representam o "EU" na mente.
Arco Tudor: Próprio juízo: verdadeiro ou falso.

DEDOS

Divisão:
Falangeta: Parte da unha: inspiração.
Falanginha: Dá a interpretação da idéia na mente.
Falange: Da ação. Utilização das idéias.

As Articulações:
Articulações com espessura: Faz que toda idéia seja estudada antes de ser aceita. Mente analítica.
Articulações lisas: Em contato com seus sentimentos: cólera, amor ou alegria.

Primeiro Dedo - Indicador - Júpiter:
Consciência do EU frente ao mundo.

Maior que Saturno: Tirano.
Muito menor que Saturno: Complexo de inferioridade.
Pouco menor que Saturno: Autoridade excessiva.
Normal: Sentido da própria posição.
Inclinação a Saturno: Preocupação, ciúme, possessão.
Afastado do resto: Consciência do "Eu independente".

Dedo Médio - Saturno - Coração:
Fala dos antecedentes, propriedades, profissão, responsabilidade, verdade. Análise.

Reto normal: Harmonia; relação entre vontade e emoç~!ao. equilíbrio.
Muito comprido: Solitário, anti-social, radical, frio.
Muito pequeno: Mente boêmia, repórter.
Inclinação para Apolo: O dedo sério das responsabilidades, olha para a felicidade.
Flexibilidade: Da falangeta: faculdade intuitiva. Visão e audição. Paranormais que falam: "vejo" e "escuto".

Dedo Anular - Apolo - Do Anel:
Felicidade autêntica - Emoção - sensibilidade artística.

Muito comprido: Jogador, cheio de vida.
Comprido delgado: Evolução. Área artística frustrada.
Muito pequeno: Ação e objetividade.
Voltado para Saturno: Muito forte ou responsável diante do mundo.
Muito perto de Saturno: Felicidade se junta com tradição da educação. Pessoa certinha.
Afastado: Busca-se por todos os meios uma mente independente.

Dedo Mínimo ou Mercúrio:
Eu subconsciente - Instinto social, capacidade intelectual e comercial.

Muito breve: Dificuldade de expressar idéias.
Muito comprido: Intelectuais.
Normais: Rapidez de pensamento. Mau humor e franco.

Dedo Polegar:
Eu consciente - Amor, lógica e vontade.

Muito alto: Original.
Muito baixo: Motivação para que a inspiração se inicie.
Polegar bom: Falange da unha é a mais comprida das seções da mão.
Falange terceira: Fazer, expressar-se.
Falange segunda: Reflexão, lógica.
Falange primeira: Da unha: vontade, floração, realização.

Ângulo de Abertura:
Equilíbrio perfeito em 90º.

Polegar muito perto da palma: Tensão que se converte em forma de enfrentar a vida.
Mais de 90º: Exagerado desejo de independência.

Pontas do Polegar:
Trepadeira: Faz seu caminho sem que ninguém o note.
Pontiagudo: Diplomático. Rápidos em encontrar saída.
Cônico: Firmes, calmos. Flexibilidade mental.
Espatulados: Artesões. Vida ao ar livre.
Rombudo: Temperamento violento.
Quadrado: Dirigente e justo. Equilíbrio.
Tenaz: Sucesso em todo tipo de empreendimento.

Dorso da Mão
Nodilhos: Ordem em coisas materiais. Metodicidade.
Dedo Júpiter: Metódico com ele mesmo.
Dedo Saturno: Casa e serviço.
Dedo Apolo: Que tudo resulte agradável ao terminar.
Dedo Mercúrio: Amor instintivo ao método.

Unhas
Saúde e caráter

½ falange: Unha perfeita. Harmonização.

Cor:
Vermelha: Grande irrigação sanguínea.
Pálida ou branca: Baixa vitalidade.
Azulada: Apresenta problemas circulatórios.

Formas:
Longas e estreitas: Nervosismo crônico. Baixa tolerância à frustração.
Unhas curtas: Críticos e impacientes com tudo.
Amendoadas: Natureza sensitiva, cortês. Irritabilidade mais que cólera.
Garras: Implacáveis para "agarrar".
Largas: Cólera, porém sem malícia.
Concha: Sistema nervoso sensitivo. Esgotamento.
Hipócritas: Problemas de saúde.
De colher: Desequilíbrio mineral.
Unhas brandas: Insuficiência nutritiva.
Pontos brancos: Ansiedade ou estresse.

Mão Direita (Principal) e
Mão Esquerda (secundária)

Em canhotos ao contrário.
Em ambidestros devem olhar-se ambas as mãos.
A mão que a pessoa utiliza para escrever é chamada mão principal ou ativa.
A outra é a mão secundária ou passiva.
A mão principal mostra a vida do dia-a-dia da pessoa: "o que faz de sua vida".
A mão esquerda ou passiva: "o que ele recebeu de seus ancestrais ou fatores hereditários".

LINHAS

Inteligência - Cabeça - Mentalidade:

Primeira linha a observar nas mãos das pessoas. Tão importante em um homem quanto a bússola em uma embarcação.
A mão secundária demonstra a tendência que se herda enquanto que a direita corresponde às tendências adquiridas.
Quando a Linha da Inteligência aparece pouco pronunciada na mão secundária e bem forte na mão principal, devemos assegurar que o sujeito desenvolveu sua própria mentalidade, muito mais que seus progenitores.
Começa entre o anel que rodeia o polegar e o indicador e encaminha-se depois rumo ao Monte de Marte.
O traçado das linhas falam da intensidade e fortaleza da inteligência, caráter e maneira como a pessoa pensa e age. A criança nasce com ela.
Existe em cerca de 95% das pessoas.

Linha da Vida - Vital:

Nasce entre os dedos polegar e Júpiter (Indicador). Contorna o Monte de Vênus e termina junto ao pulso. Primeira linha a aparecer. Por isso a primeira parte fala da vida intra-uterina. Capaz de mudanças consideráveis.

Linha do Destino - Fado ou Saturniano:

Não tem lugar certo de nascimento. Comumente se dirige para o dedo de Saturno (médio). É uma linha muito delicada em seu estudo, por sua própria natureza e por seu relacionamento com as demais linhas.
Está ligada à profissão, ao dever.
Encontra-se em 75% das pessoas.

Linha do Sol:

Pode nascer em qualquer parte da mão; dando diferente significado, porém termina sempre no dedo de Apolo (anular).
Dá à mão calor do sol, ampliando o valor das demais linhas.
Está relacionada com o talento, poder criativo e artístico, dando indicações sobre fortuna e sucesso geral.
Encontra-se em 70% das mãos, porém muito bem marcadas, sua porcentagem varia segundo os países. No Brasil em uns 40%.

Linha de Mercúrio - Hepático - da Saúde e do subconsciente:

É a linha mais controvertida da Quirologia. Na realidade tem a ver com o sistema nervoso, mostrando a consciência cerebral de todo subconsciente. Termina sempre no dedo de Mercúrio (mínimo). Seu começo pode ser da linha da vida ou perto e Monte da Lua (transformando-se em Linha de Intuição).

A mão apresenta outras linhas:

Dupla vital ou Vênus: Reforça a Linha da Vida. Seu Anjo da Guarda.
Anel de Vênus: É um Dom e portanto um compromisso. Nasce em cima da Linha do Coração entre os dedos de Apolo e Júpiter.
Linha dos Venenos ou Netuno: Relaciona-se com certa alegria à remédios e drogas. Acha-se entre a Linha da Vida e Monte da Lua.
Linhas da Samaritana ou Estigma Curativo: Pequenas linhas em baixo do dedo de Mercúrio. Significa desejo e sentimento de curar.
Linha do Casamento ou União: Nasce no Monte de Mercúrio marcando uniões mentais e físicas fortes.
Os filhos: Marcam com linhas transversais a da União.

Dermatoglíficos:
As impressões digitais, o sistema datiloscópico de Identificação.
O sistema adotado para identificação na maioria dos países do mundo é o sistema Vucetich. Os alicerces em que se fundamenta o sistema são:
Individualidade: Marca própria do indivíduo.
Perenidade: Desde os 6 (seis) meses do feto até a decomposição do cadáver.
Invariabilidade: Permanece a mesma desde sua aparição até seu total desparecimento.
Dividem-se em 5 (cinco) tipos principais: Arco, Presilha Interna, Verticilo, Misto e Composto.

Topo da Página


Início | Biografia | Quirologia | Material de Apoio
Trabalho de Investigação | Jorge, O Homem Imortal
Obra Literária | Artigos | Fotos

© 2002 - Contato com Dolly